Nota de Falecimento: Albênzio Barroso


Barroso e Da. Margarida Polak Lara

Albênzio Barroso,um dos melhores jóqueis da história do turfe brasileiro, faleceu ontem à noite, na capital paulista, aos 77 anos, vítima de um câncer de intestino,enfermidade que o acometia já de algum tempo.

Mineiro de Sabinópolis, Barroso, conhecido como o Feiticeiro, iniciou sua trajetória vitoriosa no fim da década de 50 e começo dos anos 60 no Hipódromo da Gávea mas, foi no turfe paulista, que sua estrela brilhou intensamente durante as 4 décadas seguintes, tendo vencido por 16 vezes as estatísticas em Cidade Jardim - onze de forma consecutiva, de 1966 a 1976 inclusive e em 1978, 1979, 1982, 1984 e 1985

El Asteróide, Kenético, Off the Way, Bomba Atômica, Vekrezo, Clausen Export, Grisson, Meu Gaúcho, são apenas alguns dos inúmeros craques que tiveram as mãos mágicas de Albênzio Barroso a conduzi-los.

O nome de Albênzio Barroso ficará eternamente gravado, como uma verdadeira lenda, nas mentes e corações dos turfistas que tiveram o privilégio de vê-lo em ação nos hipódromos onde desfilou sua eximia arte na condução dos animais.

Descanse em paz Feiticeiro !!!

Jair Balla


« VOLTAR


Veja Também

Leia Mais [08/08/2020 23:41:15]
Aposta de R$ 126,00 rende R$ 9.000,00 na quadrifeta
Leia Mais [08/08/2020 15:29:32]
Northern Town levou a melhor na PE Jorge da Cunha Bueno e Princesa Héléne Yourievitch
Leia Mais [08/08/2020 15:28:35]
Em vibrante arremetida, Eron do Jaguarete levanta o Clássico Prefeito de São Paulo (L)
Leia Mais [07/08/2020 14:55:18]
Deu Jobster na Prova Especial Giant
Leia Mais [05/08/2020 15:05:28]
Um apostador acertou o Betting 4 da última segunda-feira e faturou R$ 111.088,63